RENew

 

 

 

Código do projeto | POCI-01-0247-FEDER-033834

Designação do projeto | RENew: Resíduos Na construção para uma Economia circular: de indústria intensivamente consumidora de recursos naturais a solução competitiva para a reintrodução de resíduos em grande escala.

Cofinanciado pela União Europeia através do FEDER - Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, enquadrado no COMPETE 2020 - Programa Operacional da Competitividade e Internacionalização do Portugal 2020.

 

Objetivo principal | Reforçar a investigação, o desenvolvimento tecnológico e a inovação
Região de intervenção | Norte
Entidades beneficiárias | Domingos da Silva Teixeira S.A. (promotor líder); Universidade do Minho; Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro; CVR - Centro para a Valorização de Resíduos
Data de aprovação | 16-07-2019
Data de início | 24-11-2019
Data de conclusão | 23-11-2022
Custo total elegível | 1.573.259,57 €
Apoio financeiro da União Europeia | 926.058,05 € (incentivo FEDER)

 

Síntese
Descrição e objetivos


Este projeto propõe o desenvolvimento e concretização de betões estruturais e de betões betuminosos inovadores de ampla utilização, fabricados recorrendo a resíduos ou subprodutos industriais, que responderão ao problema de, por um lado, reduzir drasticamente a utilização de recursos naturais e de produtos de elevada intensidade energética na construção, e, por outro, potenciar a reintrodução de resíduos e de subprodutos na cadeia de valor, no âmbito do conceito de economia circular. O projeto proposto envolve também o desenvolvimento de todos os processos de fabrico associados, assim como de funcionalidades adicionais que permitam a extensão da vida útil das construções e a sua utilização em aplicações especiais.
Visando um aumento radical da sustentabilidade da indústria da construção, este projeto baseia-se numa abordagem que combina 3 vetores de atuação distintos:
1) Tecnologia do betão estrutural e do betão betuminoso com incorporação de resíduos: otimização de formulações de betão estrutural e de betão betuminoso para a maximização da incorporação de resíduos, quer como agregados quer como ligantes, tendo por objetivo último a concretização dos primeiros protótipos de betão estrutural constituído 100% por materiais reciclados;
2) Mecanismos de autorreparação em betões estruturais e betões betuminosos com incorporação de resíduos para extensão da sua vida útil: investigação e desenvolvimento de processos de autorreparação em betões estruturais e betuminosos para extensão da sua vida útil; por esta via, será possível reduzir o custo ambiental e económico durante o período de vida útil da construção;
3) Modelos sistemáticos para a valorização contínua de resíduos e de subprodutos industriais em ambiente empresarial, e da sua transição para o mercado: investigação e desenvolvimento de modelos de contínuo aprofundamento do conceito de economia circular no contexto dos processos da indústria da construção. Este modelo terá como base a profunda avaliação do processo produtivo da empresa, a definição de processos para a permanente identificação de resíduos disponíveis com potencial de valorização, e a análise do ciclo de vida e do ciclo de custos associados ao fabrico, à colocação em serviço e à manutenção desses produtos.